domingo, 31 de março de 2013

Silente Questionamento Silenciando Semântica Questão



video


  
________________________________________________________________________





Uma ausência
Sussurrada
Um sopro
Sibilado
Silenciosamente
Convergindo
Subtilmente
Enunciando


«Estático é o fogo na inércia ateado
Inerte é o rosto em recluso rosário
Vazio é o verso em vão vazado»



Decaímos na sombra  
                          Sempre escura
                       Sempre densa
                Sempre noite


Decaímos como um manto 
                               Sempre escuro
                       Sempre espesso
                Sempre noite




Um sopro
Ausente
Uma sílaba
Sufocada
Silenciosamente
Convergindo
Em desalento
Questionando


Que medo nos deteve 
Que distância conteve o tempo 
Que desencontro desfez o mundo           


Silente questionamento silenciando semântica questão


Na memória todo o tempo é lento
Lentamente adiantam-se demoradas horas
Reminiscências difusas
Demoras



Decaímos na sombra 
                           Sempre escura
                       Sempre densa
                Sempre noite


Decaímos
                Sempre
      Só



quinta-feira, 7 de março de 2013

Abissais Representações da Renúncia








perto do Precipício
a berma insinua-se como margem
    subtilmente tentando
                                       tentado passo

Suicidários abismos             
                de horas irrelevantes
confrontando 
                              o erro errante

Chagas casuais
Permanecendo    
Tempo

Perpetuidades corrompendo      
Infinitesimais



próximo do Abismo
o corpo vacila 
    subtilmente preparando
                                            vazo espaço

Evocando sob as orlas
imorais rezas
              impúdicas súplicas
                         circunstantes transparências


Abissais representações da renúncia

Imbuindo incêndios
em incessante deflagração

Impondo refúgios
de pronominal nomeação



face à Falésia
a queda anuncia-se
    subtilmente predizendo
                                               Fim